Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Amar Portugal

Porque amo este país que não me viu nascer e me senti inspirada pelas "Paisagens de Portugal" do Sapo Blogs.

Amar Portugal

Porque amo este país que não me viu nascer e me senti inspirada pelas "Paisagens de Portugal" do Sapo Blogs.

Direitos de autor

Todas as imagens deste blogue são da autoria de Isa Nascimento, estando protegidas por Direitos de Autor. Se as partilhar, deverá identificar a sua origem.

Ericeira | A Capela de Nossa Senhora da Boa Viagem

14
Jun22

A Capela de Nossa Senhora da Boa Viagem encontra-se no centro da Ericeira e tem uma vista lindíssima sobre o Atlântico e a praia dos Pescadores.

A história da fundação da capela não é clara, mas sabe-se que sofreu ao longo do tempo diversas ampliações e obras antes de se tornar no edifício que podemos ver hoje e que remonta ao século XVII.

Em 1609 era a sede onde decorriam as reuniões da Confraria de Nossa Senhora da Boa Viagem dos Homens do Mar e em tempos idos servia também de farol, assinalando a entrada dos barcos no porto e anunciando temporais.

Atualmente é um local de celebração das festas que se realizam anualmente no terceiro fim de semana de agosto em honra de Nossa Senhora da Boa Viagem, padroeira dos pescadores da Ericeira.

20220425_114056 

 

20220425_114141

Vista do largo da capela sobre o Atlântico e a Praia dos Pescadores

20220425_120302

 

 

 

Viseu | Adro da Sé

15
Fev22

A coroar o Adro da Sé ergue-se a magnífica Igreja da Misericórdia edificada no século XVI e que se avista de quase toda a cidade. Foi requalificada no século XVIII, adquirindo então a feição e a majestosidade barroca que ainda hoje mantém.

20211218_162458 

Mesmo em frente à Igreja da Misericórdia encontra-se a Catedral de Viseu, do século XII e alvo de várias intervenções ao longo dos séculos.

A fachada maneirista veio substituir a manuelina, que ruiu em 1635, e o interior conta com uma abóbada manuelina e um claustro renascentista. As grandes torres dão-lhe um aspeto de igreja fortificada e fazem desta Catedral um marco fundamental da paisagem de Viseu.

20211218_162601


20211218_162646

Apenas no século XVIII foram acrescentados o claustro superior e a famosa Varanda dos Cónegos, que é possível visitar juntamente com o Museu “Tesouro da Catedral”. 

 

No centro do Adro da Sé encontra-se ainda um pelourinho em granito com cerca de 5 metros de altura e 6 degraus também em granito.

 20211218_165929

 

      20211218_163720

Arouca | Centro histórico

07
Set21

O atual concelho de Arouca é composto por dezasseis freguesias e tem sede na bela e pacata vila que lhe dá o nome.

Situado no interior sul da Área Metropolitana do Porto, o município de Arouca pertence ao Distrito de Aveiro e faz fronteira entre o litoral e o interior e as Regiões Norte e Centro de Portugal.

O vale de Arouca é circundado pela serra do Gamarão a norte, pelo monte cónico da Mó a leste e pela serra da Freita a sul, sendo atravessado pelo rio Paiva, um dos rios menos poluídos da Europa. O concelho de Arouca tem um notável património histórico e natural, destacando-se a cascata da Frecha da Mizarela e as Pedras Parideiras na serra da Freita, o Mosteiro de Santa Maria de Arouca, o Museu das Trilobites e o Arouca Geopark, reconhecido pelo seu excecional património geológico de relevância internacional. 

Terra de tradições, Arouca apresenta uma gastronomia rica com iguarias únicas, desde a carne arouquesa aos doces conventuais.

Um daqueles locais em que não me importaria de morar...

20210612_112757

Praça Brandão de Vasconcelos / Capela da Misericórdia / Fontanário

20210612_114741

Jardim Municipal

20210612_122134

Dois belos exemplares da raça Arouquesa, a passear pela aldeia da Castanheira

Arouquesa

 

Arouca | Mosteiro de Santa Maria de Arouca

31
Ago21

Como é habitual nas terras que abraçam mosteiros, o desenvolvimento económico e populacional de Arouca foi enormemente influenciado pelo Mosteiro de Santa Maria de Arouca. Foi aí que surgiram os doces conventuais da região e o famoso pão de ló "húmido" de Arouca.

Beneditino até ao século XII, passou a acolher a ordem de Cister até finais do século XIX. Fruto de várias intervenções, o atual edifício data dos séculos XVII e XVIII e inclui um dos mais ricos museus de Arte Sacra da Península Ibérica. Fecha ao meio-dia... por isso só pude visitar a igreja  Ficará para a próxima visita!

20210612_112812

Pelourinho de Arouca / Fachada principal que dá acesso à igreja

20210612_115743

Pátio interior / Acesso ao mosteiro e ao museu

20210612_115809

Vista do Jardim Municipal 

20210612_122428